11
Jan
Alfândega da Fé vai poder contar já a partir de Fevereiro com o funcionameto da Escola de País, aberta a educadores e sociedade em geral, tendo como principais objectivos a desconstrução do mito relaccionado com a deficiência, trabalhar a vertente emocional dos pais e as suas competências para lidarem com a diferença.

Este projecto pretende estender-se a outros municípios da região para fazer face às necessidades das crianças e jovens com necessidades especiais. Só no distrito de Bragança existem mais de 500 com algum tipo de deficiência e todas estas famílias lidam com o mesmo problema: a escassez de respostas.

É conhecida a necessidade de se mudar o contexto local em que estas famílias estão inseridas e, posteriormente trabalhar-se a sociedade em geral, para tal já está em andamento um projecto que prevê a realização de acções de sensibilização nas escolas, associações culturais e recreativas.
Esta notícia já foi consultada 1859 vezes
 
Publicidade