18
Fev
Através de um protocolo celebrado entre a Câmara de Leiria e a Fundação para a Divulgação das Tecnologias de Informação (FDTI), a Biblioteca Municipal Afonso Lopes Vieira em Leiria já pode contar com equipamento em Braille.

Este projecto-piloto viabiliza a acessibilidade da biblioteca a pessoas com deficiência, pondo à disposição dos seus utilizadores um computador, scanner e impressora.

Segundo Dinis Santos, presidente da delegação de Leiria da ACAPO (Associação de Cegos e Amblíopes de Portugal), este tipo de equipamentos são uma grande mais-valia para que as pessoas cegas possam usufruir da biblioteca, realizar pesquisas e recolher informação como qualquer outro utilizador.

A Biblioteca Acessível insere-se assim, no conjunto de novas valências que visam melhorar o serviço prestado aos seus utilizadores, contando com um software preparado para invisuais, deficientes auditivos e motores. Para tal, quer os funcionários da biblioteca, quer os seus utilizadores vão ter à sua disposição formação dada por técnicos da FDTI, no sentido de aprenderem a trabalhar com o novo equipamento

Na opinião de João Afonso, administrador da FDTI, com o material informático, a biblioteca terá maior visibilidade e será usufruída por mais pessoas.

Durante a sessão de apresentação do novo equipamento, Dinis Santos (presidente da ACAPO), declarou que “o seu dia-a-dia vai mudar a partir de agora, já que o sistema permite fazer pesquisas, ler e obter informações através da Internet” ... "Posso ser uma pessoa autónoma e normal, como qualquer outra" e "fico feliz por saber que, a partir de agora, muita gente carenciada pode utilizar um equipamento caríssimo",

De acordo com declarações de Dinis Santos, numa entrevista dada ao Diário de Leiria, o novo equipamento permite coisas tão simples e essenciais como ler. "Se tiver alguma dúvida sobre um papel da Segurança Social, posso vir à biblioteca, digitalizá-lo e ler em Braille".


O horário do novo serviço, que funciona no espaço dos audiovisuais, é:

- Segunda-feira, entre as 14h00 e as 19h00,
- de Terça a Sexta-feira, entre as 10h00 e as 19h00,
- Sábados, das 10h30 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.
Esta notícia já foi consultada 1889 vezes
 
Publicidade