27
Jun
A Organização das Nações Unidas (ONU) publicou um novo relatório sobre promoção e proteção do direito à liberdade de opinião e expressão. O documento ressalta que as barreiras de acessibilidade á internet constituem um crime e uma violação dos direitos humanos.

De acordo com o novo relatório, todos os cidadãos possuem o direito à liberdade de expressão e de acesso à informação por qualquer tipo de veículo. Assim, impedir o acesso à informação pela web infringe o Artigo 19, parágrafo 3, do Pacto Internacional de Direitos Civis e Políticos, de 1966.
Esta notícia já foi consultada 3698 vezes
 
Publicidade