16
Out
 
Um milhão de pessoas com deficiência registadas em Angola
 
Em Angola, cerca de um milhão de cidadãos já efectuaram o seu registo eleitoral, desde o início do processo, a 29 de Julho do ano em curso.
Adão de Almeida avançou este dado à Angop quando supervisionava o registo de portadores de deficiência, numa equipa móvel no bairro Capalanca, no município de Viana, em Luanda.

O registo eleitoralé um processo que abrange todos os cidadãos, sem distinção da condição social, económica ou política, lembrou Adão de Almeida . “Esta foi a razão que nos levou a atender a solicitação da Associação Nacional de Deficientes de Angola (ANDA), com o objectivo de registar, com esta equipa móvel, os deficientes físicos residentes neste condomínio e a população circunvizinha”, frisou.
Segundo o vice-ministro, a equipa móvel vai cumprir os objectivos preconizados, uma vez que, para além da população inicialmente alvo (os deficientes físicos) todas as outras pessoas da área circunvizinha estão a ter a oportunidade de procederem à actualização do seu registo.

Esta notícia já foi consultada 4767 vezes
 
Publicidade